Palanque em Bom Jardim une adversários para eleger Paulo Câmara

Mais de seis mil pessoas lotam as ruas em evento da Frente Popular






Os dois candidatos que disputaram a Prefeitura de Bom Jardim em 2012 puseram de lado as divergências e dividiram o mesmo palanque, ao lado do candidato da Frente Popular ao Governo Estadual, Paulo Câmara (PSB), e seu companheiro de chapa, Fernando Bezerra Coelho (PSB/Senado). Juntos, eles promoveram, nesta quarta-feira (24), um dos maiores eventos da história política do município, com uma caminhada que parou as ruas da cidade e um comício para mais de seis mil pessoas.

Paulo agradeceu a acolhida calorosa dos moradores, organizada pelo prefeito Miguel Barbosa (PP) e pelo seu adversário na eleição municipal, Sebastião Rufino (PSB). "Unir como vocês fizeram não é fácil. Requer um entendimento de que Pernambuco precisa permanecer no rumo certo, avançando ainda mais. O ex-governador Eduardo Campos tinha um sonho de unir Pernambuco, para poder mudar o Brasil. Bom Jardim atendeu a este desejo e deu um exemplo a todo o Estado", avaliou o candidato.

"Aprendi na minha vida política a ter lado. E hoje tenho a oportunidade de apresentar Paulo Câmara a Bom Jardim. É hora de dar as mãos e pensar no futuro", explicou o prefeito, que recebeu do futuro governador o compromisso de ajudar várias ações da Prefeitura, como o acesso à comunidade do Buraco do Tatu.

Sebastião Rufino ressaltou que Paulo é merecedor não apenas da unidade de Bom Jardim, mas da indicação feita por Eduardo para sua sucessão. "Este palanque não é meu, não é de Miguel. Estamos aqui com o mesmo objetivo, que é defender o futuro de Pernambuco e do Brasil, elegendo Paulo Câmara, Fernando Bezerra Coelho e a presidente Marina Silva (PSB)", afirmou.


Crédito: Wagner Ramos
Share this article :
+
0 Komentar untuk "Palanque em Bom Jardim une adversários para eleger Paulo Câmara"

Confira o resultado...

"Tente a sua sorte! A vida é feita de oportunidades. O homem que vai mais longe é quase sempre aquele que tem coragem de arriscar."
Dale Carnegie